O Grupo de Oração Sementes de Maria acontece todos as terça-feiras, as 19:30 com início do Santo Terço, na Capela Rosa Mística, Rua Paulina Maria Alves, 210, Loteamento, Pompéu/MG.

quarta-feira

Sexualidade humana, um projeto a ser construído

Imagem de Destaque

Sexualidade humana,
um projeto a ser construído

Uma fonte indizível de energia e vida

A sexualidade humana é uma fonte indizível de energia e vida. Ela manifesta a liberdade e a responsabilidade do ser humano, revelando-se como uma realidade precisamente educável. Ela pode permanecer pura instintividade, buscando uma gratificação imediata ou pode se tornar projeto a ser construído progressivamente. Também pode ser entendida como uma força encerrada apenas na atividade fisiológica (carne) ou ser vislumbrada como uma realidade que se abre para o transcendente.
A sexualidade é forte. É realidade presente em cada fibra do que nos compõe e que tende a se manifestar em tudo o que somos (personalidade, percepções e desejos), externando por vezes nossas incompletudes e inconsistências. A sexualidade é também uma energia profundamente relacional, que nos lança aos outros fazendo-nos sair de nós mesmos. Assim ela o é em sua essência. Dentro de seu exercício genital ou não, ela é uma energia que gera – ou ao menos deveria gerar – comunhão e abertura, pois revela nossa necessidade dos outros e também nossa capacidade de nos doarmos aos demais.
Entretanto, quando a sexualidade se torna apenas instintividade e genitalidade em vez de abertura, ela gera um cárcere egoísta por meio do qual o outro se torna objeto e não um alguém humano, deixando assim de ser percebido com a sua peculiar dignidade de pessoa.
A sexualidade não é somente um dado, de fato, constatado em nós, mas é também um dado a ser feito e um projeto a ser construído. São inúmeras as deformidades que trazemos em nossa sexualidade em virtude das feridas causadas pela atual cultura – sensualizada e sensualizante. Todavia, ela é também realidade que pode, com muita disciplina (luta) e ascese (espiritualidade), ser educada e direcionada para um projeto de vida maior, em um nobre ideal que supere os instintos e se firme no amor.
Este projeto a ser concretizado se revela como um esforço consciente de educar esta linda energia, direcionando-a ao bem e à abertura às necessidades (verdadeiramente humanas) do outro, fabricando, assim, uma comunhão desinteressada que gere espaços de encontro e interação. Neste processo, a renúncia e a busca de um sentido para ela fazem-se essenciais. Não é que renunciaremos nossas belas potencialidades humanas, mas apenas aprenderemos a utilizá-las de maneira realmente humana – eis o sentido – e não apenas animal, já que a vida nos dotou com vontade e liberdade para nos construirmos.
Não somos obrigados a ceder a instintos animais, antes, somos chamados a viver bem a sexualidade integrando nossas luzes e sombras, e dessa forma, a construí-la no amor e para o amor (autêntico amor). Este é um projeto possível e passível de ser realizado. É questão de decisão e determinação (auxiliados pelo jejum e pela oração) e, também, de querer colocar o que temos como energia em sua real finalidade.
Tal projeto nos liberta fazendo-nos mais gente (pessoa) e nos livrando dos inúmeros automatismos – conscientes e inconscientes – escravizadores que o vício/pecado gera em nós.

Vivamos, pois, com qualidade e construamos, sem medo, este projeto – nossa sexualidade – de vida/liberdade e realização autênticas.
Foto
Diácono Adriano Zandoná
verso.zandona@gmail.com
Adriano Zandoná Adriano Zandoná é diácono e missionário da Comunidade Canção Nova. Formado em Filosofia e Teologia, está atualmente se preparando para a Ordenação Sacerdotal. Apresenta os programas “Em sintonia com meu Deus” – diariamente, pela TV Canção Nova – e “Viver Bem” – aos finais de semana, pela Rádio Canção Nova AM 1120
twitter: @DiaconoAdrianoZ
http://blog.cancaonova.com/adrianozandona

terça-feira

26 de março - Grupo de Oração

       No ultimo dia 26, o Grupo de Oração Sementes de Maria foi muito abençoado por Deus e pelo Espírito Santo. 
          Com uma pregação feita pela unção do Espírito Santo de Deus, momentos fortes de oração, e muito animação com o ministério de Louvor, muitos corações foram restaurados. 

Confira algumas fotos:


Mateus, pregador da semana...

 Ministério de Louvor e Animação


Obrigado Senhor Jesus, por mais este encontro, obrigado por mais esta grande graça para a Familia do Grupo de Oração Sementes de Maria, continues a habitar em nosso meio.

Festival de Tortas

       O Grupo de Oração Sementes de Maria vai fechar com chaves de ouro o mês de março. Com uma idéia inovadora, após os Grupos de Orações realizados aos sábados, será feito um pequeno "Festival de Tortas", ou seja, a venda de tortas ganhadas pelo Grupo de Oração por pessoas da comunidade. O que for arrecadado, será utilizado no pagamento de dívidas do Grupo de Oração Sementes de Maria.

Aqui vai as fotos das nossas primeiras doadoras.

Dona Mirete Correia

 Sandra

Ana Cláudia (Secretária Paroquial)

       Vai aqui, os nossos mais sinceros agradecimentos às doadoras das tortas, que Deus os abençoe cada vez mais. Obrigado!

segunda-feira

Nosso Pastor...

Todo cristão é chamado para servir. No entanto, para que o povo de Deus possa cumprir sua missão, Ele suscita em seu meio algumas vocações específicas, a do sacerdócio é uma delas. Deus chama alguém do meio do povo, para o povo.
         Um padre deve ser ao mesmo tempo, pequeno e grande, de espírito nobre, como de sangue real, simples e espies. 
Um padre deve ser discípulo de seu senhor, chefe do seu rebanho; um mendigo de mãos largamente abertas, um portador de inumeráveis dons, um homem no campo de batalha, uma mãe para confortar os doentes, com a sabedoria da idade e a confiança de um menino; voltado para o alto, com os pés na terra. 
      Um padre deve ser experimentado no sofrimento, imune a toda inveja, que fala com franqueza e é inimigo da preguiça. Um padre é feito para alegria, é alguém que se mantém sempre fiel. E tudo isso e muito mais, encontramos em nosso Pároco, nosso Pastor, nosso amigo, Padre Mauro Jorge Filho.


Estaremos sempre em orações pelo senhor Padre Mauro, conte sempre com essa família que também é sua. Estamos juntos nessa caminhada, e você nos ajudou a dar o primeiro passo, muito obrigado, que Deus te abençoe cada vez mais...

 

sábado

Via Sacra - Convite

       Olá seguidores e visitantes do blog Sementes de Maria, queremos convidar a você e sua família, para participarem conosco da Via Sacra realizada pelo Grupo de Oração Sementes de Maria no próximo dia 08 de Abril (sexta-feira), às 19 horas, na Matriz Nossa Senhora da Conceição. 

       
       Com momentos de pura emoção, reflexão e oração, vamos juntos, seguir os passos de Jesus ao Calvário, e unirmos os nossos corações ao coração de Jesus na Cruz.


Nova forma de combater o estresse?

Nova forma de combater o estresse?

Muitos sinais do estresse estão relacionados ao tempo! É quando não temos mais tempo para resolver tudo o que precisa ser feito, correndo contra o relógio para deixar tudo em dia, mas mesmo assim não damos conta. 

Dessa forma, deixamos sempre depois, por exemplo, – por causa da falta de tempo – a atividade esportiva que, já sabemos, ajudaria bastante, e o tempo começa a ser um ingrediente superimportante nessa história toda.

Exatamente por isso, fazer escolhas torna-se algo profundamente importante na busca do "desestresse" de que necessitamos.

Comece, então, a meditar sobre as opções que tem feito, e depois procure focar outras importantes situações nas quais a "sua escolha" é o que vai fazer a diferença.

Com carinho e orações,


Seu irmão,
Ricardo Sá

quarta-feira

Liberte-se do orgulho e tenha um coração humilde

No período da Quaresma, a missionária Salette Ferreira tem refletido sobre os pecados capitais no grupo de oração on-line. A consagrada já rezou pela libertação da avareza e da inveja nos episódios anteriores. Nesta semana, ela clama ao Espírito Santo que nos dê a graça de nos libertarmos do orgulho.

A passagem que norteia a oração está em Eclesiástico 10, 14-17: "Princípio da soberba do homem é afastar-se de Deus: daquele que o fez, o seu coração se aparta. Pois o princípio de todo pecado é a soberba: quem a tiver, fará ferver a maldição e ela, no fim, o destruirá. Por isso, Deus tornou espantosas as pragas dos maus e os destruiu até exterminá-los. Os tronos dos chefes soberbos, Deus os destruiu e fez os não-violentos sentarem-se em lugar deles" 
 .
Segundo Salette, o orgulho é o princípio de todo mal, pois, a partir dele achamos que não precisamos de Deus, que podemos viver independentes d'Ele. "Derrama sobre nós a Sua graça, Senhor, libertando-nos do nosso coração orgulhoso, que não sabe perdoar, não sabe aceitar as pessoas como elas são. Dá-nos a graça de sermos humildes, de nos reconhecermos pequenos diante da Tua graça", intercede a consagrada.



terça-feira

Rezar, até quando?

E ai galera, paz e bem!
“Com toda a sorte de preces e súplicas, orai constantemente no Espírito. Prestai vigilante atenção neste ponto, intercedendo por todos os santos” (Efésios 6,18)
Quero partilhar com vocês a experiência que tenho vivido desde o meu batismo no Espírito Santo, e que hoje, ao passar o olhar e ruminar este versículo, acima citado, senti o meu coração vibrar.
Ao fazermos a nossa Experiência de oração, vivermos a grande graça do batismo no Espírito Santo e trilharmos um caminho dentro do movimento da Renovação Carismática, recebemos uma grande graça, um lindo dom, o dom de orar em línguas, de deixar o Espírito Santo orar em nós.
São Paulo, nessa exortação, nos pede para, constantemente, orarmos no Espírito. Isso nos conduz a dois pontos: primeiro, orarmos guiados pelo Espírito Santo; segundo, deixarmos o Espírito Santo orar em nós. Gostaria de me deter nesse segundo ponto.
Será que você nunca se encontrou cansado de rezar? Quantas vezes não conseguimos ter palavras para expressar a nossa oração, nem mesmo vontade de nos relacionar com Deus? Porém sabemos que se deixarmos de rezar estaremos colocando em risco a nossa vida espiritual. O que fazer então? Vou até à capela, ou no meu quarto ou outro lugar qualquer e recorro à oração no Espírito.
Tenho aprendido que todos os momentos são propícios para que eu esteja em constante oração. Quando me acordo, quando estou no banho, quando estou no ônibus indo para o trabalho, quando tenho um problema para ser resolvido e que não encontro solução, enfim, nos mais diversos momentos do dia, sou convidado a estar orando no Espírito, ainda que seja baixinho.
Posso garantir, a graça de Deus age e naquele dia, naquela circunstância posso tocar na ação do Senhor.
Como ministro de música, quando estou na animação do grupo de oração, ou da Santa Missa, sempre me coloco diante do Senhor pedindo o discernimento, a música certa para aquele momento, para aquela palestra que está sendo ministrada. Enquanto o pregador está no seu momento de profecia eu me coloco em oração, orando no espírito para que o Senhor suscite a Sua vontade para aquele momento de ministração, e coloque em meu coração a canção propícia.
Ao mesmo tempo, aquela minha oração no Espírito é uma intercessão para que o ministro da palavra possa ser conduzido pelo próprio Senhor. De fato orar no Espírito é uma forma eficaz e concreta de intercessão.
Hoje, meu irmão, seja você ministro de música ou não, eu te convido a orar constantemente no Espírito. Quando você precisar de respostas de Deus, ore no Espírito; diante das mais difíceis situações do seu dia-a-dia, ore no Espírito; quando as palavras não vierem em sua boca, ore no Espírito; para interceder pelos seus e por todos os “santos”, ore no Espírito. A oração não pode parar.
Faça a experiência! E se eu não sei rezar assim? Se ainda não vivi o batismo no Espírito Santo? Peça o batismo hoje, e em nome de Jesus seja uma pessoa nova, conduzida pelo Espírito Santo de Deus.
Vem Espírito Santo! Veni Creator Spirit!
Deus abençoe,
Tamo junto!

segunda-feira

Nas tempestades da vida, você não está sozinho!

No Evangelho de São Mateus há um fato muito interessante: após a multiplicação dos pães, Jesus despediu os apóstolos e foi rezar no alto do monte. O barco se agitava numa grande tempestade. Os discípulos estavam apavorados... Quando de repente viram alguém caminhando sobre o mar: era o Messias.

Não imaginando que fosse Jesus, eles ficaram ainda mais amedrontados e soltavam gritos de terror: é um fantasma! Mas logo o Senhor lhes disse: “Confiança, sou Eu, não tenhais medo” (Mt 14,27).

Muitas vezes, nossa vida é agitada pelas tempestades e nós nos desesperamos, porque nos falta confiança. Precisamos ter confiança cega em Deus, na certeza de que o Seu socorro não falta.

O Senhor é o mesmo de ontem, de hoje e de amanhã; Ele está vivo. Não servimos a um Deus morto, clame e Ele virá ao seu encontro!

Não desanime na hora da tempestade! Peça ao Senhor para pegá-lo no colo, para que a tempestade não o afogue. O Senhor nos manda ser corajosos. Não precisamos ter medo de nada. Jesus nunca vai nos deixar sozinhos.

Quando tomamos consciência e clamamos pelo socorro do céu, tudo muda, a tempestade se acalma e ousamos andar sobre as águas. Foi o que Pedro experimentou:

“Senhor, se és mesmo Tu, ordena-me que vá ao teu encontro sobre as águas. Vem, disse Ele. E Pedro, saindo do barco, caminhou sobre as águas e foi rumo a Jesus” (Mt 14, 28-29).

Nós também podemos andar sobre os nossos problemas, sobre as tempestade que assolam as nossas vidas, fixando os olhos em Deus e não os desviando nem para direita nem para a esquerda.

Quando Pedro tirou os olhos de Jesus, ele afundou. Aí está o segredo: podemos andar por cima de nossos problemas, sem nos deixar amedrontar pela tempestade, se continuarmos com os olhos fixos no Senhor.

Tenha certeza: quando você traz o Senhor para dentro do barco da sua vida, tudo muda. O vento cessa, a tempestade se acalma... O Senhor passa a ter o comando de todas as coisas.

“Confiança, sou Eu, não tenhais medo”. Seja qual for a situação pela qual você esteja passando, confie: é Ele mesmo quem diz: “Sou Eu, não tenhais medo”. Nas grandes dificuldades, mas, também nas situações embaraçosas do dia-a-dia, o Senhor está ao nosso lado. Não há por que temer.

Reze junto comigo:

Senhor, eu agradeço por tantos milagres e curas que tens realizado na vida dos meus irmãos. Tu és verdadeiramente o Deus do impossível.
Entra, Senhor, no barco da minha vida. Vê, Senhor, a agitação em que está. Até hoje eu tive medo e pensei que estava sozinho, mas agora não temo, pois quem está conduzindo o barco da minha vida é o Senhor. 
Apresento todas as situações que estou vivendo e já agradeço pelo novo rumo que estás dando. Eu não estou sozinho. Confesso que já estava cansado, fraco, com medo das grandes ondas, mas agora já não tenho mais medo, porque o Senhor é por mim.
Agradeço pelo milagre que estás realizando na minha vida. Sou uma nova pessoa.
A partir deste momento o leme da minha vida está em Tuas mãos. Eu não tomarei mais nenhuma decisão por mim mesmo. Quero louvar e agradecer pela paz e pela cura que realizas. 
Bendito seja o Teu nome, meu Senhor e meu Deus.


(Trecho extraído do livro “Isto é obra do Senhor: Um milagre aos nossos olhos!” de monsenhor Jonas Abib)

Propósito da semana: Confesse seus pecados


A confissão é o sacramento que nos reconcilia com Deus, com nós mesmos e com o próximo, por isso nos cura. Nesta edição, o missionário Alexandre de Oliveira o convida a confessar os seus pecados como propósito semanal, aproveitando o tempo da Quaresma. 
Muitas vezes, as pessoas não se confessam por não confiarem nos padres pelo fato de estes também serem humanos. Cristo confiou o exercício do poder de absolver os pecados ao ministério apostólico. Ao sacerdote é confiado o "ministério da reconciliação" (cf. II Cor 5,18). E é enviado "no nome de Cristo", e é o próprio Deus que, por meio dele, exorta e suplica: "Deixai-vos reconciliar com Deus" (II Cor 5,20b).

"Além do fato sobre o padre [ser humano], muitas pessoas não se confessam porque acham que seus pecados são insignificantes. Mas, lembre-se: várias gotas formam o oceano!", recorda o consagrado. 

.: Faça um exame de consciência e prepare-se para uma boa confissão
  
Assista ao programa:

Sobre o programa
Propósito significa “intenção original”, ou seja, Deus, quando nos criou, o fez com uma razão original. Há um desígnio de Deus Pai a nosso respeito, o qual não mudará de forma alguma, pois essa vontade está na origem de tudo. O próprio Senhor afirma que esse propósito divino é o que irá prevalecer em nossa vida. 
Agora, se o próprio Deus tem Seu propósito, quem somos nós para não termos um também? Ter um objetivo de vida é importante e necessário. Contudo, é essencial que esse projeto de vida esteja em conformidade com o propósito do Senhor.

sexta-feira

Comentário do Evangelho (São José)


José, pai de Jesus na terra e seu guia, seu ombro, seu apoio e exemplo familiar. O evangelho de hoje nos traz esse ensinamento, principalmente aos homens: SER COMO JOSÉ. O evangelho bastante claro para que todos possam entender, diz-nos que José como homem, ao saber que Maria estava grávida não quis matá-la, nem denunciá-la as pessoas daquela época que a iriam julgá-la e condená-la. Pelo contrario, José no ímpeto de seu amor e como um verdadeiro homem, onde muitos hoje em dia devem se espelhar, 19não querendo denunciá-la, resolveu abandonar Maria em segredo. Depois do aparecimento do anjo do Senhor tudo se esclareceu, e José em vez de pular fora do barco, por assim dizer, não hesitou e continuou com Maria até o ultimo instante de sua vida, apoiando-a e dando a proteção devida.
E é isso que convido aos maridos, aos rapazes que namoram... Convido a serem mais cúmplices, mais justos, mais honestos e sempre estarem dando o apoio necessário aos seus conjugues. Como José, que possamos esquecer as indiferenças e fazer a DIFERENÇA em nossos relacionamentos, e mesmo não sendo em algum relacionamento, que possamos fazer a diferença em nosso meio. Que aceitemos e digamos SIM as missões e escolhas de Deus a nós, pois se Ele nos escolhe é porque sabe que temos a capacidade. E no fim, como no evangelho diz, todas as respostas virão (versículo 20 e 21). E para as mulheres, que estas se tornem puras de dedicação, corpo e alma como Maria. Que se tornem verdadeiras mulheres do amor de Cristo.

Confiem Nele, pois Nele tudo pode! Ele tudo pode!

 




Louvado seja o nosso Senhor Jesus Cristo!
 André Santos

Santo do dia: São José, pai de Jesus

Celebra-se hoje, 19 de março, a Solenidade de São José. Neste dia, a Igreja, espalhada pelo mundo todo, recorda solenemente a santidade de vida do seu patrono.

Esposo da Virgem Maria, modelo de pai e esposo, protetor da Sagrada Família, São José foi escolhido por Deus para ser o patrono de toda a Igreja de Cristo.

Seu nome, em hebraico, significa “Deus cumula de bens”. 

No Evangelho de São Mateus vemos como foi dramático para esse grande homem de Deus acolher, misteriosa, dócil e obedientemente, a mais suprema das escolhas: ser pai adotivo de Nosso Senhor Jesus Cristo, o Messias, o Salvador do mundo.

"Quando acordou, José fez conforme o anjo do Senhor tinha mandado e acolheu sua esposa" (Mt 1,24).

O Verbo Divino quis viver em família. Hoje, deparamos com o testemunho de José, “Deus cumula de bens”; mas, para que este bem maior penetrasse na sua vida e história, ele precisou renunciar a si mesmo e, na fé, obedecer a Deus acolhendo a Virgem Maria. 

Da mesma forma, hoje São José acolhe a Igreja, da qual é o patrono. E é grande intercessor de todos nós. 

Que assim como ele, possamos ser dóceis à Palavra e à vontade do Senhor.

São José, rogai por nós!

quinta-feira

Quaresma, escola vital de purificação

Quaresma, escola vital de purificação

A Quaresma é o "tempo favorável" para a redescoberta e o aprofundamento do autêntico "discípulo de Cristo". Não se conhece Jesus estando "do lado de fora", mas por meio da partilha de vida: "Se alguém quer me seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e me siga" (Mc 8,34).

A conversão cristã, a "metanoia" evangélica, não é simplesmente uma conversão moral (embora exija isso), mas é conversão para Deus, como se revela nas escolhas messiânicas de Cristo (cf. Mt 4, 1-11), pois, do contrário, não se pensa segundo Deus, mas segundo os homens (cf. Mt 16, 21-23).


Consequentemente, no plano da vida, exige-se "aquela mudança íntima e radical pela qual o homem começa a pensar, a julgar e a reordenar a vida, movido pela santidade e bondade de Deus, como se manifestou e nos foi dada em plenitude no Seu Filho" (cf. Hb 1,2: Cl 1,19ss; Ef 1,23ss).


Assim, o cristão vive continuamente o processo de conversão, cujo princípio é o Espírito santo de Deus, recebido no batismo, "perdendo a própria vida por causa de Cristo e do Evangelho" (cf. Mc 8,35).


A Quaresma torna-se, então, escola vital de purificação e iluminação, pois vivemos as palavras de Jesus: "Convertam-se ao Evangelho" (Mc 1,15). Esta é a substância da espiritualidade quaresmal-batismal. Não estamos diante de uma simples exortação à conciliação fraterna, que também é necessária, mas, muitas vezes, ineficaz, ou de uma mudança de vida. Aqui se trata do reconhecimento e da acolhida da iniciativa de Deus, que, por amor, reconcilia-se com o mundo.



 
O tempo quaresmal, portanto, se torna escola vital de purificação e iluminação para todos nós, pois vivemos as palavras de Deus.

 
Do que você se lembra ao ouvir a palavra "escola"?

"Aprendizagem":
A Quaresma é tempo de aprender.

"Merenda":
O tempo quaresmal é tempo de se alimentar da Palavra de Deus, se alimentar da Eucaristia na Santa Missa.

"Prova":
Quaresma também é tempo de provação e tentação.

"Professor":
Jesus Cristo é o nosso modelo de Mestre, tudo o que Jesus viveu, nesse tempo, em preparação para a Pascoa, também nós somos chamados a viver. Jesus foi conduzido para o deserto pelo Espírito Santo de Deus; também nós precisamos nos deixar ser conduzidos por Ele.

"Exercícios":
Não dá para viver o período quaresmal sem fazer um exercício quaresmal que nos leve ao verdadeiro arrependimento e mudança de vida.

"Escola", "estrutura física"
: Precisamos estar inseridos em um lugar para que a formação aconteça em nossas vidas, e este lugar se chama Igreja, comunidade.

A espiritualidade da Quaresma é caracterizada por uma atenta e prolongada escuta da Palavra de Deus, pois ela ilumina o conhecimento dos próprios pecados, chama à conversão e infunde confiança na misericórdia de Deus. O exame de consciência cristão não é um fechar-ser em si mesmo, mas um abrir-se para a palavra da salvação e para o confronto com o Evangelho.


A espiritualidade quaresmal leva-nos a viver com mais intensidade e profundidade a relação interpessoal com Deus.



Padre Donizete Heleno
Sacerdote da Comunidade Canção Nova

quarta-feira

Semeie o Espírito Santo!


Quarta-Feira, 16 de março 2011

 Semeie o Espírito Santo!
“Um profeta só é desprezado em sua pátria, entre os seus parentes e em sua casa” (Mc 6,4).

Em todos os lugares o profeta é bem recebido, mas não na sua casa. Mas isso não é motivo para ele ficar com os braços cruzados ou envergonhado. Esse é o tipo de reação que o inimigo espera! Muitas vezes temos a impressão de que quanto mais nos entregamos ao serviço do Senhor, quanto mais trabalhamos para Ele, tanto mais as coisas pioram em casa!

Quantos pais e quantas mães são do Senhor e acabaram vendo seus filhos entrarem nas drogas ou partirem para a revolta... Quantos pais acabaram vendo as filhas tornarem-se verdadeiras garotas de programa...

É isso que o inimigo de Deus quer: desmoralizar-nos! E, desanimados, acabamos entrando no quarto, nos escondendo... e nos desiludindo: “Se na minha casa é desse jeito... o que vou fazer lá fora? Não tenho mais moral!”

Não se entregue! Semeie o Espírito Santo! Leve a “efusão do Espírito” aos membros de outras famílias. E tenha certeza: Deus terá alguém para semear em sua casa o Espírito Santo, para que cada um dos membros da sua família se converta.

Deus o abençoe!

Monsenhor Jonas Abib
Fundador da Comunidade Canção Nova

(Trecho do livro "Eu e minha casa serviremos ao Senhor" de monsenhor Jonas Abib).

segunda-feira

Grupo de Oração - 12 de março

        No dia 12 de março, ultimo sabado, o Grupo de Oração Sementes de Maria recebeu vários visitantes. 


       Com uma pregação aprofundada na unção do Espírito Santo, trazendo o tema Perdão, testemunhos confirmaram ao final do Grupo, as obras realizadas por Deus naquela noite.



 Matheus
Pregador da Semana

Confira as fotos: 

domingo

Tempo Quaresmal


Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo.

          Bem, irmãos e irmãs, o tempo da quaresma é de quarenta dias, porém em dias corridos somam quarenta e sete, pois, de acordo com o cristianismo, o domingo, que já é dedicado como o dia do Senhor, durante a quaresma não é contado. Após esse período, se inicia o Tríduo Pascal, que termina no Domingo de Páscoa. Na Bíblia, o número quatro simboliza o universo material. Os zeros que o seguem significam o tempo de nossa vida na terra, suas provações e dificuldades. Portanto, a duração da Quaresma está baseada no símbolo deste número na Bíblia. Nela, é relatada as passagens dos quarenta dias do dilúvio, dos quarenta anos de peregrinação do povo judeu pelo deserto, dos quarenta dias de Moisés e de Elias na montanha, dos quarenta dias que Jesus passou no deserto antes de começar sua vida pública, dos 400 anos que durou a estada dos judeus no Egito, entre outras. Esses períodos vêm sempre antes de fatos importantes e se relacionam com a necessidade de ir criando um clima adequado e dirigindo o coração para algo que vai acontecer. Quaresma é o tempo litúrgico de conversão, que a Igreja Católica, a Igreja Anglicana e algumas protestantes marcam para preparar os fiéis para a grande festa da Páscoa. Durante este período, os seus fiéis são convidados a um período de penitência e meditação, por meio da prática do jejum, da esmola e da oração. Ao longo deste período, sobretudo na liturgia do domingo, é feito um esforço para recuperar o ritmo e estilo de verdadeiros fiéis que pretendem viver como filhos e filhas de Deus. A Igreja Católica propõe, por meio do Evangelho proclamado na Quarta-feira de Cinzas, três grandes linhas de ação: a oração, a penitência e a caridade. Não somente durante a Quaresma, mas em todos os dias de sua vida, o cristão deve buscar o Reino de Deus, ou seja, lutar para que exista justiça, a paz e o amor em toda a humanidade. Os cristãos devem então recolher-se para a reflexão para se aproximar de Deus. Esta busca inclui a oração, a penitência e a caridade, esta última como uma consequência da penitência.

          Precisamente por sermos pecadores, ficamos cegos diante de nossos pecados. Satanás quer nos fazer ver que não há mal no que fazemos. Então o coração se endurece, torna-se insensível às exigências do amor. Por isso é tão importante a conversão do coração. "Por isso, como diz o Espírito Santo: "Se escutardes hoje MINHA voz, não endureceis o coração... Atenção irmãos! Que nenhum de vós tenhais um coração mau e incrédulo..." Hb 3. Deus é um Pai amoroso que nos faz ver o pecado para nos dar a graça do arrependimento e nos perdoar. O nos quer livres. O demônio não quer que vejamos nosso pecado. Mas se procurarmos o caminho de Deus tratará de nos acusar com nossos pecados para que nós desanimemos e voltemos atrás. Podemos discernir então a diferença. Deus mostra o pecado para libertar e perdoar; o demônio o esconde mas quando o mostra é para que nos desesperemos. Devemos rejeitar energicamente estes pensamentos e ir à confissão com toda confiança no perdão de Deus. Deus SEMPRE perdoa quando há arrependimento. É muito proveitoso fazer exame de consciência diário e também, com toda humildade, nos abrir a que pessoas próximas de nós nos corrijam. "Se examinássemos a nós mesmos, não seríamos

         O exame se faz diante de Deus, escutando sua voz na consciência. Eu gostaria de deixar o meu testemunho. Sábado, dia 12/03, quando acabou o Grupo de Oração Sementes de Maria, o Tarcízio (um grande amigo) me levou embora para a minha casa. Chegando lá, fui ao quarto de meus pais, para lhes pedirem as suas bênçãos e foi quando minha mãe me perguntou se eu já tinha jantado ou comido algo, e eu responde que não. Fui assistir TV com minha irmã Rafaela. E quando deu por volta de 23:15h minha mãe levantou e foi fazer uma bife para eu comer e eu coloquei um prato de arroz no microondas para poder aquecer. O bife estava com uma aparência deliciosa e fui procurar algo para poder beber e quando eu olhei para dentro da geladeira vi só Coca-Cola. E minha mãe me perguntou seu eu iria beber e eu disse que não. Voltei para a sala de televisão e me veio àqueles pensamentos sórdidos, mas, mesmo nas minhas tribulações, mesmo nos momentos de fraqueza, eu tive o discernimento naquele instante era o encardido, querendo que eu fraquejasse nesse tempo da Quaresma. E eu disse ao Senhor que eu não iria fraquejar com Ele e que ele me desse força. Só que essa força tem que vir em 1º lugar de nós. Jesus foi atormentado pelo diabo no último momento dia de sua penitencia. Esse tempo como foi dito é um período de penitência, meditação, jejum e de muitas orações. Aonde somos atentados de todos os jeitos.
 

Rafael de Campos
Vice Coordenador do Grupo de Oração

Comentário do Evangelho Dominical


No evangelho de hoje Jesus Cristo vem nos dizer que ate mesmo Ele fora tentado pelo diabo, que ate mesmo o filho de Deus fora insinuado com tentações da carne e do mundo, que fora colocado frente a caminhos que deveria escolher: seguir Deus e ser conduzido pelo seu amor, ou seguir ao diabo e ser conduzido pelo sofrimento e solidão.
Como são belas as palavras vindas da bíblia e como são mais gratificantes ainda seus ensinamento transmitidos a nós! Como JESUS é bom, como Deus fez de tudo para nos dias de hoje, de ontem, de amanhã e sempre, nos depararmos com passagens bíblicas que refletissem o que passamos e sentimos em cada pedra que retiramos de nosso caminho. O versículo 1 nos diz que o Espírito conduziu Jesus ao deserto, para ser tentado pelo diabo, daí eu pergunto a vocês: para quê? Por quê? Pelo simples fato de que Deus já sabia que como foi com Jesus, conosco também seria difícil caminhar, mas que não era impossível. E que seriamos também tentados, mas que tivéssemos persistência, coragem e muita perseverança para continuarmos nossa caminhada rumo à salvação, como foi com Jesus.
Um evangelho rico e claro como esse, cheio de exemplificações das tentações do encardido e da sua forma de convencer a Jesus a sair do seu trilho, nos faz refletir o tanto que somos postos a prova todos os instantes, a todo o momento, a cada dia, a cada instante de nossas vidas. E principalmente, nos leva a pensar o quanto somos fortes para superar todas as provações e tribulações. O quanto eu estou sendo forte e capaz de superar desafios que ao meu caminho são colocados, o quanto eu faço pelo amor de Jesus?
E é isso que lhe pergunto hoje irmãos, é isso que lhe pergunto nessa quaresma: Qual o jejum que você faz e qual o objetivo deste para sua vida em Cristo? Como nos foi dito na primeira leitura sexta feira (11/03) em Isaías 58, 6-7 “O jejum que eu quero é este: acabar com as prisões injustas, desfazer as correntes do jugo, pôr em liberdade os oprimidos e despedaçar qualquer julgo; repartir a comida com quem passa fome, hospedar em sua casa os pobres sem abrigo, vestir aquele que se encontra nu, e não se fechar à sua própria gente.” E em comparação ao evangelho, vemos que é na quaresma que mais sofremos provocações e provações, e é também quando mais nos devemos nos apegar na oração e nas provas que Deus esta conosco e jamais nos desampara. Jamais nos deixara só. Como no evangelho de hoje que Jesus usa-se da sua palavra em todo tempo, para provar ao diabo que Deus disse a Ele que confiasse em sua palavra.
Por isso, passemos a confiar na palavra de Cristo e comecemos a jejuar com o coração.

Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo!
André Santos

sábado

Quais são Os Exercícios Quaresmais de Conversão? (Com Audio)


Vamos refletir sobre os rumos de nossa espiritualidade ate a Páscoa de nosso Senhor Jesus, ou seja, a Vida Nova que o Senhor tem para nós, os exercícios quaresmais de conversão. A Liturgia da quarta-feira de Cinzas, que abre o Tempo da Quaresma, manda proclamar o Evangelho em que Nosso Senhor fala da esmola, da oração e do jejum, conforme Mateus 6, 1-8. 16-18. Este Evangelho apresenta, como que em síntese, o programa dos exercícios quaresmais de conversão. Aproveite e faça deste Evangelho a sua leitura espiritual de hoje.
Escute o PODCAST:

Por que justamente oração, jejum e esmola? Oração, ainda se compreende. Mas jejum e esmola? A Igreja renovada do Vaticano II manteve esses exercícios que podem parecer antiquado e que está em desacordo com os usos e costumes de nossa época. Jejum e esmola ainda têm sentido hoje? Não seria melhor dedicar-nos à promoção social? Muitos talvez coloquem estas ou outras questões semelhantes. Os prefácios das Missas da Quaresma acentuam estes exercícios de penitencia: “Ano após ano, concedeis a vossos filhos esperar com alegria a festa da Páscoa, preparando-se pela penitencia e dedicando-se mais à oração e ao amor fraterno, para que alcancem à plenitude da filiação divina pela renovação dos sacramentos pascais, nos quais nos quais renasceram”(Pref. I). Falando do jejum, a Igreja reza: “Vós quisestes que vos rendêssemos graças por meio da abstinência que, moderando nossos excessos de pecadores, nos leve a imitar vossa bondade, proporcionando alimento aos que têm fome” (Pref. III).
Vamos tentar descobrir o sentido mais profundo da oração, do jejum e da esmola na Liturgia e de modo especial no tempo da Quaresma. Sendo a Quaresma um tempo forte de conversão, ela tem sua linguagem, seus exercícios ou ritos de conversão. É neste contexto de conversão que devemos colocar também os ritos da oração, do jejum e da esmola, pois eles atingem os principais relacionamentos do homem: o relacionamento último com Deus expresso no valor da oração, o relacionamento com o próximo e o relacionamento com a natureza criada. São três ritos de religião já presentes no culto do Antigo Testamento e herdados pela Igreja cristã dos primeiros séculos e ainda atuais para o homem de hoje.
A Quaresma precisa ser para nós um retiro em preparação para celebrarmos a Páscoa, vida nova em Jesus ressuscitado. Por isso, aqui no blog vamos desenvolver textos e reflexões que nos ajudaram nesta preparação e nesta mudança de vida. É possível fazer um retiro virtual neste tempo precioso de conversão clicando os conteúdos do portal @cançãonova. Fiquem atentos aos próximos postes, terá os temas sobre o sentido da Oração, Jejum e Esmola como exercícios espirituais de conversão, não percam conecte-se.
Oração: Senhor, assim como o meu corpo precisa de um mínimo de exercícios físicos para estar bem, saudável, muito mais o meu interior, a minha alma, precisa de exercícios espirituais para estar em equilíbrio Contigo, comigo mesmo e com os meus irmãos e a natureza. Daí-me a graça da perseverança e da força de vontade para fazer aquilo que eu preciso e ajudar a todos com os meus gestos de conversão pessoal. Para a maior glória do Vosso Santíssimo Nome. Amem

sexta-feira

Visita à Casa da Mãe


         O Grupo de Oração Sementes de Maria tiveram a grande e emocionante oportunidade de visitarem a Casa da Mãe Aparecida, a Basílica de Nossa Senhora, Padroeira do Brasil.


         Lugar de muita oração, fé, e emoção, a Basílica de Aparecida é algo que não se explica em palavras. 

 Interior da Basílica

 Imagem da Mãe Aparecida (a encontrada no Rio)

 Integrantes do Grupo em Aparecida

          Que a Mãe Aparecida, continue abençoando cada vez mais o Grupo de Oração, e a todos que dele fazem parte, este Grupo que a ela é entregue. 
     Nossa Senhora Aparecida, Rogai por nós!

quinta-feira

As novas amizades... (Carnaval na Canção Nova)


          Com a nossa viagem para a Canção Nova, conhecemos várias e várias pessoas de Cachoeira Paulista, e alguns de outros lugares do Brasil, e são elas que vamos mostrar agora. 
 
Funcionárias da Basílica de 
Nossa Senhora Aparecida

Os Motoqueiros de Cristo
(Canção Nova)

Nossas amigas virtuais, entre elas, nossa seguidora do Twitter, Aline de Barra do Garças


          Agradecemos a todos que nos derem um pouco de sua atenção e carinho nos dias que passamos na Canção Nova, e em Aparecida, e de maneira muito especial, estaremos em orações por todos vocês.

quarta-feira

Carnaval na Canção Nova 2011

       Carnaval, para muitos, só diversão, para nós, Diversão e Oração. E foram esses os elementos que fizeram parte do carnaval do Grupo de Oração 2011. A Canção Nova nos proporcionou momentos de eternas felicidades em Cristo, muita oração, adoração, aprendizado com as pregações, e muitos shows com bandas Católicas.
       Ao longo dessa semana, postaremos as fotos e as matérias do carnaval na Canção Nova, acompanhe.

Confira algumas fotos:



O que é Quaresma?

Denis Duarte fala sobre o significado da Quaresma e como viver este tempo da igreja. O apresentador é especialista em Literatura Bíblica na área de Tradição Profética. É também mestre em Ciências da Religião na área de Literatura e Religião no Mundo Bíblico.

quinta-feira


O MUNDO EM QUE VIVEMOS HOJE
Que tal Começar a mudar nos pequenos atos, para que estes se tornem grandes futuramente? Começar a mudar para que as pessoas vejam em você um exemplo de cidadania? Começar a mudar primeiramente VOCÊ?!

Que mundo é esse que vivemos hoje? Que mundo VOCÊ vive hoje em dia? Essa é a pergunta que faço para você em relação ao alto fluxo de informações que recebemos diariamente, e as diferentes formas de vidas, estilos e atitudes que nos deparamos em todos os lugares onde estamos.
Estava a pensar sobre este mundo que vivo hoje após fazer uma leitura de uma postagem de um padre. E não é que refleti horas a fio sobre isso, e ainda estou pensado? Bem, com certeza as grandes descobertas na medicina, os altos crescimentos econômicos, os grandes benefícios propostos hoje em dia para a população nada valem frente a um mundo egoísta, sem amor, sem cooperação e sem respeito ao próximo. No meu ponto de vista, se os verdadeiros valores de cidadania não acompanhar o crescimento do mundo, este nada vale.
Defendo plenamente as palavrinhas mágicas que aprendi na pré-escola, como por exemplo: obrigado, com licença, por favor, desculpa... E ainda defendo as pequenas atitudes que fazem o mundo crescer não só no material, mas sim, na tolerância e discernimento, com dar o assento no ônibus para idosos, respeitar a minha vez de falar, respeitar as escolhas do meu irmão, etc.
Creio que o mundo esta tomando uma proporção onde o QUERER e TER estão cobrindo todas as formas saudáveis de vida. As pessoas estão passando por cima e sendo mais egoístas e mais fingidas para conquistarem seus ideais. E bem sei, e conto para você que nada disso é preciso se temos Deus no coração, pois Ele é sinal de amor, e com o amor tudo podemos quando respeitamos o espaço do outro. Quando temos o amor em nossos corações não passamos por cima, não fazemos grosseria, não roubamos, nem matamos. Pois pense comigo: Aquele ou aquela que você ama realmente, mas digo amor mesmo, você roubaria, mataria, diria palavras para magoar ou ate mesmo passaria por cima de tal pessoa só pra conseguir seus ideais?
Então é isso, creio que fazer algo hoje em dia, no fundo esta sendo por fazer, não esta sendo realizado com amor, com convicção. Daí, dá no que dá. Dá o que vemos em todo lugar hoje em dia: a FALTA DE RESPEITO.
Se você é aquela pessoa que recebe o troco amais na padaria e vai embora sem falar nada, ou é aquele tipo de pessoa que vê com seus próprios olhos um necessitado e não ajuda, ou que na fila do banco não da passagem para uma grávida ou idoso, que tal começar a mudar? Ninguém muda do dia para noite. E a proposta que lhe faço é essa: Comece a mudar nos pequenos atos, para que estes se tornem grandes futuramente. Comece a mudar para que as pessoas vejam em você um exemplo de cidadania. Comece a mudar primeiramente VOCÊ. Assim, com certeza viveremos em um mundo melhor de se viver! Com a graça de Deus Pai todo poderoso.

Que Deus vos abençoe!
André Santos

Um pouco de História Sobre o Grupo de Oração Sementes de Maria - 7 ANOS DE EXISTÊNCIA

COM MUITA ALEGRIA NO CORAÇÃO, O GRUPO DE ORAÇÃO SEMENTES DE MARIA COMEMORA OS SEUS SETE ANOS DE EXISTÊNCIA LEVANDO A EVANGELIZAÇÃO A TODOS ...